sábado, 29 de agosto de 2009

SOBRE EU E EU MESMA

Eu sempre desconfiei das palavras alheias mesmo tendo elas algum sentido que pudesse aliviar minha culpa.
Eu passo noites pensando na vida, ouvindo músicas que já fizeram parte de alguma trilha sonora, lendo coisas que não são minhas, procurando alguma inspiração, algum sentido pra acreditar no ser humano.
Eu fico madrugadas vagando dentro de mim, dentro de minhas pessoas. Entrevistando fantasmas que vejo ao meu redor, perguntando a eles se existe alguma vantagem em desaparecer.
Eu leio livros e conto histórias pra alguém que deseja sorrir.
Eu faço elogios a quem não merece, a troco de nada.
Sinto uma vontade tão nebulosa que nem paro pra pensar.
Sinto que existe alguém dentro de mim e esse alguém estima o lirismo dos loucos. Isso me deixa contente, porque é estranho.
Não adianta correr atrás da eternidade, não adianta perder tempo fazendo alguma coisa pra enganar-me.
A verdade existe e ela não pediu teu endereço, na verdade, às vezes perde o caminho. Optar pela verdade e sempre praticá-la, faz de você cínico ou louco.
No mais, às vezes faz bem falar de coisas desconhecidas e sem critério deixando seu eu interior dar os comandos.

7 comentários:

Gúh! disse...

Bem expressiva, gostei. Gosto de gente que se expressa pela palavras. é isso. :D


Promoção High School Band no meu blog, participe !

Michelle disse...

Eu fico perplexa quando leio alguns blogs e me identifico tintin por tintin com cada palavra. Esse seu post foi um momento assim!
Sabe, eu até imaginei a verdade batendo na porta da casa de alguém pra contar umas boas e poucas (ou muitas). Feito aquelas velhas alcoviteiras talvez, mas que não contam o que dizem a ela na fofoca, mas sim a verdade. Imagina só como seria...

Gabriel Ribeiro disse...

Hum

Eu já li alguém falar sobre entrevistar fantasmas em outro blog. Mas agora não lembro onde foi.

Enfim, fica sussa que a tendência é piorar.

Beijos.
Gabriel.

Geriel Barros disse...

Muito legal seu texto as vezes tbm me sinto assim , agora não sei se isso e bom ou ruim ,mais eu continuo assim ..

João disse...

nossa, muito bom, adoro textos assim, curtos e que mexem com você. me identifiquei com algumas coisas, realmente retratou umas realidades. parabéns!

se puder, entra no meu blog,
http://anpulheta.blogspot.com

:D

Avassaladoras Rio disse...

Querida amiga avassaladora...
A verdade é uma sedução. As vezes um delirio.. muitas vezes um desafio. Podem haver tantas verdades quanto pessoas no planeta... porem só uma etica!
manter-se na verdade pode dar impressão de cinismo ou loucura... não creio. Mas enfim, esta é sua verdade...
mas nossa etica é a mesma.

Anônimo disse...

Você vê ou conversa com fantasmas?