quinta-feira, 16 de abril de 2009

Um caminho para as BORBOLETAS

Uma atitude deprimente de um professor meu que durante a aula em uma Universidade matou, pisoteando propositalmente, uma borboleta enorme e muito bonita, me fez postar esta matéria que saiu na semana que ele cometeu tal atrocidade. É vergonhoso dizer que ele tem o título de pós doutorado.

Autoridades de Taiwan vão fechar temporariamente parte de uma estrada central e movimentada para dar passagem a milhões de borboletas na sua migração sazonal. O trecho da via de quase 1 km fica perto da cidade de Linei no centro de Taiwan e será fechado nas manhãs de 3 a 5 de abril durante os "ápices" da migração anual de borboletas da espécie Asclepias tuberosa, conhecidas por suas manchas violetas. - A medida pode causar engarrafamentos, mas vale a pena - explica Lee Thay-ming, chefe do National Freeway Bureau. - Os seres humanos precisam aprender a conviver com as outras espécies, mesmo as pequenas borboletas. Segundo o o especialista Jhan Jia-long, cerca de um terço das borboletas da espécie que vivem na ilha arrisca suas vidas no fim do inverno, ao voar para o Norte numa rota de 300 km, que corta a estrada. Um estudo do grupo de Jhan mostrou que 11.500 borboletas voaram por minuto por cima da via durante três horas na tarde do dia 3 de abril de 2005, e pelo menos um milhão voou pela área na mesma data. - Muitas borboletas morreram ao serem atraídas pela forte turbulência causada pelos carros correndo na estrada - lamenta o pesquisador. O professor Sweehu Cheng, da I-Shou University, um dos voluntários dedicados à proteção da espécie, estima que milhares de borboletas morrem na via toda primavera. Além da interrupção de trecho da estrada, as autoridades ergueram uma rede de proteção na via, na esperança de que as borboletas se sintam forçadas e voar mais alto e assim evitem bater nos carros. A terceira medida a ser tomada é a instalação de luzes ultravioletas embaixo da via, que é elevada. Os especialistas acreditam que isto poderia atrair os insetos sensíveis à luz a voarem de forma segura por baixo. Segundo Cheng, as inciativas pretendem reduzir o impacto ecológico da construção da estrada. Além disso, as borboletas são fundamentais para a cadeia alimentar da ilha. - A proteção das borboletas não foi levada em consideração quando a estrada foi construída e inaugurada há mais de quatro anos - acusa Cheng. O professor não esperava que as medidas, propostas por ele e outro professor da I-Shou University, Lin Tieh-hsung, seriam aprovadas. O custo total ficará em R$ 60 mil. As borboletas migram no fim de março do Sul de Taiwan para o Norte, onde colocam ovos e morrem. Milhões de borboletas pequenas também voam para o Norte durante todo o mês de novembro para um vale morno próximo da cidade de Kaohsiung, ao Sul, para escapar do frio do inverno. Cerca de 600 mil passam a estação no local que ficou conhecido como vale das borboletas violetas, perto de Maolin, que junto com o lar de inverno das borboletas monarcas no México, são os últimos habitats do mundo usados em massa por borboletas para passar a estação. Ambientalistas dizem que em Taiwan há cerca de 2 milhões de borboletas Asclepias tuberosa. A ilha começou a acompanhar a longa migração dos insetos nos últimos anos. Originalmente havia mais tipos de borboletas da espécie na região, mas a maioria foi extinta há décadas depois de serem capturadas e vendidas.


4 comentários:

ﻬﻫﻬ Čαmîℓα ﻬﻫﻬ disse...

Pois é, mas n se engane com titulos e titulos, esse tipo de respeito a natureza e aos animais, não é pra todo mundo!

um bjo enorme, adorei a reportagem!!

Patrícia disse...

Olá querida!!!
quanto tempo!!! estava com saudades, vim fazer uma visitinha e me deparo com esse post lindo sobre borboletas, que eu acho simplismente magnificas e adoro!!!!
Lembrei-me de quando estava na 6ª ou 7ª serie e tive que construir um insetário para um trabalho de ciencias, tinhamos que matar uns insetos e coloca-los numa folha de isopor, que maldade! nunca intendi a necessidade daquele trabalho, lembro que exceto o meu e o de umas outras duas pessoas, todos os outros traziam em destaque grandes e lindas borboletas! fiquei com um dó!
Como anda tua RA!!! tive uma recaida tão seria esses dias menina! mas estou tentando me levantar, aos pouquinhos, mas vou estou voltando!
Beijinhos!

Nana disse...

Realmente é deprimente essa atitude. Tem genet que sente prazer em maltratar animais.

Que bom que vc é sensível e atenta a este tipo de atitude!
Como vai a RA? Manda notícias, estou te acompanhando agora tá?
Beeeeeeijoss

Mr Lee disse...

We feel very pleased you could come to our blog.
Your encouragement is so kind!
Let's keep in touch!Welcome to our blog usually.Bless you forever.