segunda-feira, 15 de junho de 2009

A CIÊNCIA PROVA: O AMOR É CEGO!

AMOR DESATIVA O SENSO CRÍTICO DO CÉREBRO


O ditado popular "o amor é cego" é defendido com unhas e dentes quando o assunto é relacionamento. No entanto, estudos recentes comprovam que essa idéia vai mais além. De acordo com o neurologista André Palmini, da Faculdade de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), quando a pessoa está apaixonada por alguém, seu cérebro desativa estruturas responsáveis pelo julgamento crítico e por nos manter alerta contra ameaças do ambiente.

Os estudos ainda confirmam que os mecanismos cerebrais que identificam as atitudes dos outros de forma crítica são desativados. Por isso não conseguimos ver os defeitos da nossa cara logo de "cara".

Hoje em dia, a Ciência dedica-se a entender o que motiva a mudança nas sinapses neuronais com o passar do tempo e o avanço da relação. Com a consolidação do sentimento, a pessoa passa a ver a outra pessoa amada de maneira muito parecida com a que vê as outras pessoas. O grande segredo da neurociência é porque as pessoas continuam juntas, mesmo com as mudanças no comportamento cerebral , afirma o especialista.

Para mim, a paixão é cega e transformando-se em amor, passa a ver os defeitos do outro e consegue suportá-los no dia a dia. Isso os leva ao altar, isso os faz completar bodas de prata, ouro... Amando e respeitando cada um do jeito que é. Quando não, a paixão vira obsessão (doença para psiquiatria que deve ser tratada e pode ser curada) que também pode levar ao altar e fazer completar todas as bodas, mas jamais havendo o amor e o respeito mútuo, pois a cegueira será permanente.


Fonte: yahoo, grifos em destaque meus.

7 comentários:

www.bananadae10.blogspot.com disse...

realmente o amor é cego
gostei do texto
parabens

http://bananadae10.blogspot.com/

Janelas do rosto disse...

Bem elaborado o teu texto... de fato, o amor é cego, talvez tenhamos q realmente no início do relacionamento estar cegos para posteriormente conseguir suportar os defeitos, ou seja, a doação. Um aceita o outro pelo o q é.

Rosangela A. Santos disse...

Eu vi uma materia em um canal falando das reações do corpo e etc.. etc.. que o amor causa na pessoa .. rsrsrs ... e é pura verdade a pessoa fica besta ... besta .. kkkkkkkkkkkk

Abç.

Tchezar disse...

concordo plenamente com isso tudo que você escreveu!
a paixão é cega e o amor é capaz de nos enxergar além do que se vê!!

abraço

Chá das 6 disse...

isso eh vdd

sacipirata disse...

Ceguinho ceguinho, hehe
Bem legal o texto!
Abraços do Saci :D

Lucas Meloni ** disse...

Realmente, bom texto. O amor é cego e em alguns casos insiste em não querer ver nunca, mesmo que apareça alguma cura. Mas o que seria do mundo sem amor? Vemos todos os dias.

Parabéns, você escreve muito bem.